Alguns sinais, como dor no útero, corrimento amarelado, coceira ou dor durante a relação podem indicar a presença de alterações no útero, como Cervicite, pólipos ou miomas.

Embora, na maioria dos casos, estes sinais apenas indiquem problemas leves, como inflamação do útero ou dos ovários, também podem ser sinal de doenças mais graves como câncer, por exemplo. Dessa forma, sempre que se identifica alguma alteração, é importante ir ao ginecologista para identificar a causa e iniciar o tratamento adequado, que pode incluir o uso de pomadas, remédios e, até, cirurgia.

Os principais sinais e sintomas de alterações no útero incluem:

  1. Corrimento constante, que pode ter coloração branca, amarela, verde ou castanho e que pode ter cheiro forte.
  2. Cólica e sangramentofora do período menstrual ou ausência de menstruação;
  3. Dor e sensação de pressão na barriga, principalmente na região que vai do umbigo até à zona pubiana;
  4. Dor durante o contato íntimoou logo após a relação;
  5. Coceira, vermelhidão e inchaço na vagina;
  6. Aumento de volume do abdômen e, por vezes dor nas costas associado;
  7. ​Vontade constante em urinar.

Estes sinais e sintomas, caso não sejam tratados adequadamente, podem provocar infertilidade ou gravidez ectópica e, por isso, é importante ir ao ginecologista, caso os sintomas não desapareçam em 1 semana.

O que pode causar dor no útero

A dor no útero normalmente é causada por uma inflamação na região e, por isso, é mais frequente durante a menstruação, quando as paredes do útero estão se alterando e é possível sentir também uma sensação de útero inchado, por exemplo.

No entanto, a dor no útero também pode ser causada por alterações que precisam ser tratadas, como infecções por bactérias ou endometriose, por exemplo. Assim, se a dor surgir fora do período menstrual e se demorar mais de 3 dias para melhorar é aconselhado ir ao ginecologista.

Já os casos de câncer no colo do útero normalmente não apresentam dor, desenvolvendo-se sem qualquer tipo de sintoma. O melhor, é sempre fazer os exames de Papanicolau frequentes, de forma a identificar os primeiros sinais de câncer e iniciar o tratamento.

Doenças mais comuns no útero

Os sete sinais indicados acima podem ser uma alerta importante para prevenir a evolução de doenças, como:

  1. Cervicite: é uma inflamação do colo do útero provocada por micro-organismos;
  2. Adenomiose: é uma doença caracterizada pela presença de glândulas e tecido endometrial que aumenta o tamanho do útero;
  3. Mioma: são alterações celulares benignas no útero, que faz o útero crescer;
  4. Polipo uterino:é o crescimento excessivo de células na parede interna do útero, formando “bolinhas” semelhantes a cistos;
  5. Câncer do colo do útero: também conhecido por câncer cervical, é causado pela infeção causada pelo vírus HPV.

Os sintomas das diferentes doenças do útero são semelhantes. Só o ginecologista irá conseguir tratar corretamente a doença.

Fonte: https://www.tuasaude.com/sinais-de-alteracoes-no-utero/

Deseja agendar uma consulta ou tirar dúvidas? Clique aqui. (62) 3274-2320

Open chat
Olá!
Em que posso lhe ajudar?
Powered by